Compras no Brás, conheça a região das roupas

São Paulo - SP | 1 Comentários

Brás é um tradicional bairro italiano de São Paulo, que se transformou com o passar dos anos num importante polo de comércio, dividido entre ruas especializadas em vendas de roupas, e outras ruas repletas de lojas de decoração, utensílios para casa e grandes atacados para lojas tipo R$ 1,99, sem esquecer da zona cerealista(produtos importados) e da rua do Gasômetro(matéria prima para decoração). Neste post abordaremos a região do comércio de roupas e confecções. No Brás, grande parte das lojas é de moda feminina, mas muitas mães vão ao Brás, para montar seu enxoval, são inúmeras as lojas de moda infantil que oferecem tudo que o bebe precisa, a preços realmente incríveis. E engana-se quem pensa que o Brás oferece somente "peças de baciada", muitas marcas famosas comercializadas nos shoppings produzem e vendem suas peças no Brás, a preços bem melhores . 

Esse bairro tão italiano, tem as festas temáticas de São Víto(maio/junho/julho) e Nossa Senhora de Casaluce(maio), que já fazem parte do calendário de eventos da cidade, por movimentar milhares de pessoas a cada final de semana.

Sempre que recebemos visitas de amigos e parentes de outras cidades ou estados, é quase unanimidade, todos querem ir à 25 de Março e ao Brás, a fama das lojas e seus preços praticados corre Brasil afora.

As Lojas

A região conta com aproximadamente 4000 lojistas, sem considerar os box que ficam em shoppings, espalhados entre  as ruas Oriente (cheia de ambulantes e de lojas bem variadas, calçados, acessórios e até produtos esportivos), Maria Marcolina (considerada a que tem mais movimento do bairro tem várias lojas que vendem no varejo), Rubino de Oliveira (onde localizamos o Mega Polo Modas, o maior shopping atacadista do país), Maria Joaquina (você encontra lojas que vendem jeans), XavantesLargo da Concórdia, etc.

Além das lojas de confecção, há lojas que vendem artigos de armarinho e tecelagem, são rolos e rolos de tecidos fornecidos geralmente às confecções.

O horário de funcionamento das lojas em geral são de segunda a sexta das 08h às 17h e nos sábados das 09h às 14h, algumas lojas ficam até 17h.

Os Outlets

Os outlets também chegaram com força nesta região, lá encontramos marcas famosas, nacionais e internacionais, são roupas e acessórios com descontos que chegam a 70% se comparados aos preços encontrados nos shoppings. A maioria delas estão na Rua Bresser, pertinho do metrô com o mesmo nome. Confira a seguir o vídeo para você ter uma idéia de como é um outlet no Brás. A BDS/Bicho do Sono é especializado em surfwear, trabalha com marcas como Billabong, Element, Smolder, ecko-unit, Mormaii, entre outros.

https://www.youtube.com/watch?v=2tvdLDT8uBU

Lá no Brás você encontrará outros outlets como:

Tom Multimarcas, oferece produtos das marcas Osklen, Abercrombie, Hollister, dentre outras; no Outlet Copatex, você encontrará produtos de cama, mesa e banho das marcas Teka, Buddemeyer, Altenburg, Santista e Karsten.

MK Imports fornece produtos para as lojas que vendem roupas a R$ 10,00, para se ter idéia, lá se vende fardos com 20kg de roupas à partir de R$ 700,00. Basta fazer as contas, se cada fardo tem de 150 a 200 peças, cada peça sai a partir de R$ 3,50, sobra uma boa margem de lucro, mesmo se vende-las a R$10,00.

Dá pra entender porque vem gente de todo o Brasil fazer compras no Brás, são muitas as oportunidades que surgem diariamente. Se você tiver um tempo para "correr" até lá quando vier a São Paulo, garanto, impossível sair de lá sem algumas sacolas.

Um pouco da história

O bairro surgiu no século 18, quando começou a construção da igreja do Senhor Bom Jesus do Matosinho, em uma chácara que pertencia a José Braz. Logo um povoado surgiu ao arredor da capela, essa região era muita afastada, havia uma estrada que se chamava Caminhos do José Braz, razão do nome do bairro.

Com muitas chácaras e sítios por toda a sua extensão, com cara de interior, foi se desenvolvendo com a chegada do café e dos imigrantes nordestinos(que estavam fugindo da seca) e da colônia italiana. Com isso surgiram as primeiras instalações, pequenas fábricas e comércio.

O comércio 

Depois dos anos 70, com o desenvolvimento, o bairro passou a ser um centro de comércio de confecção de roupas. As roupas eram vendidas no atacado e varejo, atraindo assim pessoas de todos os cantos do Brasil. Os produtos com preço e qualidade, logo atraíram lojistas e revendedoras de moda. Lá a variedade é impressionante, pois encontramos além de uma diversidade de roupas femininas e masculinas, acessórios de moda, roupa infantil, moda praia, moda fitness, roupa íntima, além de cama, mesa e banho.

Um outro atrativo do bairro do Brás, é a famosa Feirinha da Madrugada, que acontece nos dias da semana e no sábado das 03h às 10h, ambulantes nas ruas e galerias, vendem mercadorias com excelentes preços tanto no atacado como no varejo. São eles : camisetas, bonés, acessórios, bolsas, etc.

Como Chegar 

O transporte público ainda é a melhor maneira de chegar lá, tanto a estação de trem ou de metro Brás, te levam às ruas de comércio de roupas.

Se a intenção é comprar bastante, o carro pode ser uma opção mais interessante, na região há várias opções de estacionamento, mas a paciência é necessária, pois o trânsito é um pouco caótico na região, dependendo do horário. A solução é evitar horários de pico, que vão das 06h às 09h e das 17h às 19h30.

Algumas dicas de compras

Fique atenta a algumas dicas em relação às lojas: a maioria não tem provadores, por isso tire as suas medidas em casa com uma fita métrica e leve às compras (sem esquecer de levar a fita métrica), daí se a loja não permitir experimentar alguma peça, você a mede e tira as dúvidas na hora. Afinal, não há nada pior que comprar algo sem ter a certeza que lhe servirá. 

Confira se a loja aceita compras a varejo, a maioria das lojas aceitam cartões de crédito ou débito, mas em compras na Feirinha da Madrugada ou em outros boxes, nem sempre eles tem a máquina do cartão e a compra só poderá ser feita em dinheiro.

No sábado as lojas ficam abertas até 14h, mas o melhor horário para ir as compras é pela manhã, bem cedo.

Dicas de segurança

Para que o passeio de compras seja incrível e sem surpresas desagradáveis, primeiramente:

  • Proteja-se com protetor solar pois você andará por várias horas na rua e geralmente sob um Sol forte
  • Vá acompanhada, leve alguem, uma amiga para te ajudar com as compras, facilita quando se quer ir a um banheiro ou entrar numa loja mais tumultuada.
  • Evite levar crianças, por mais que a tentação em leva-las para escolher suas roupas seja grande
  • As ruas são muito lotadas, evite entrar ou ficar em meio a aglomerações, lá pode ser a cena produzida por espertos para te roubar.
  • Leve bolsas pequenas e mantenha-as junto ao seu corpo, se você levar dinheiro em espécie, divida-o em vários bolsos.
  • Evite usar relógios ou jóias que possam ser chamativas, não coloque nada no bolso de trás da calça
  • Se o celular tocar, entre em uma loja e atenda, evite atender/fazer chamadas no meio da rua, atraindo a atenção dos marginais quando você está distraída e cheia de sacolas.
  • Se você for comprar muita coisa, vá de carro e deixe em um estacionamento, é mais seguro. Na maioria das ruas do Brás há cobrança de Zona Azul, dependendo do tempo que você pretende ficar lá, um estacionamento compensa.

Estrutura 

A região tem uma boa infraestrutura, agência do correio, ponto de táxi, restaurantes e lanchonetes. Os hotéis também chegaram na região, várias são as opções de hospedagem para quem quer ficar mais pertinho das compras.


Gostou das dicas? Quer compartilhar uma dica ou uma foto conosco? Estamos no Instagram, basta incluir a #viajantebrasileiro e faça conosco essa viagem.

Quer conhecer outros importantes centros de compras na capital? Acesse os links a seguir:

Presentes de Natal, vá à Rua 25 de março
Compras no Brás e Bom Retiro


Serviços

Comentários

1 Comentário(s) Deixe um comentário

- 01 December 2015 -

Faça as compras de Natal, sem estressar as crianças

[…] Compras no Brás […]